terça-feira, 1 de dezembro de 2015

VOCÊ PODE MUDAR O SEU ESTADO EMOCIONAL.


Olá, queridos leitores e parceiros de empreitada!

Vamos começar mais um projeto dentro do AGRADABILIDADE: As Coisas Boas da Vida


Periodicamente - ainda não decidi a periodicidade rs - vou produzir artigos variados para enriquecer o nosso relacionamento.

Como assunto inaugural, vou falar do valor curativo e preventivo do ESTADO EMOCIONAL da ALEGRIA.

Eu sei, não é fácil manter-se alegre o tempo todo. E nem é pra ser o tempo todo.


Trabalhei alguns anos como Coach para palestrantes. O meu trabalho era treinar pessoas a falarem em público, descobrindo o eles tinham de melhor a oferecer a seu público.
O embrulho do seu "pacote" eram eles próprios. O pacote era o produto a ser oferecido, e a "embalagem" - os apresentadores do produto - tinha que ser perfeita, sem coisa alguma que pudesse "alterar o sabor" do prato principal.


Então, a nossa primeira etapa era trabalhar o NERVOSISMO e a TIMIDEZ.
Sabemos que, mesmo que esteja tudo bem, o nervosismo diante do público, pode atrapalhar - e muito! - a apresentação.
Portanto, precisávamos, primeiro, trocar o chaveamento disso, associando uma emoção fortalecedora à ideia de se expor em público.


Em seguida, tínhamos que cuidar do nosso maior medo, quando se trata de falar em público: - E SE DER BRANCO???
Cuidávamos da elaboração do roteiro, colocando alguns "pontos de apoio": Palavras-chave para lembrar os tópicos a serem abordados.


E "chaveávamos" um aspecto importantíssimo da apresentação - a simpatia do apresentador - com o ESTADO EMOCIONAL FAVORÁVEL: A ALEGRIA.

Você sabia que podemos "fabricar" alegria? Sim, podemos!


Existe um exercício fácil e eficaz para isso: TRAZER À MEMÓRIA AQUILO QUE PODE LHE DAR ESPERANÇA!

Eu ensinava aos meus alunos a, momentos antes, a sós, numa sala ou no banheiro, sentar-se, respirar profunda e lentamente, durante alguns minutos, e pensar em algo que foi muito bom, que trouxe muita alegria. Se não pudessem se lembrar de algo que tenha acontecido, que então, imaginassem algo que, se acontecesse, lhes faria imensamente feliz. E ficassem pensando nisso durante algum tempo.


Pedia que projetassem em sua mente, como se fosse um telão de cinema, as cenas dessa situação. Em seguida, que escolhessem uma cena que fosse intensamente alegre e pausassem nessa "tela" imaginária. Aumentassem o volume da cena. Tornassem o colorido mais vibrante, o som mais nítido, sentissem os aromas, fixassem os detalhes. Em seguida, que aproximassem a cena de si mesmos, e à medida que a aproximasse, ela aumentaria de tamanho, o volume do som ficaria mais alto, e tudo seria sentido com maior intensidade.


Neste exercício, a pessoa começa a sentir o que aquela cena lhe inspira. Se foi algo que aconteceu, ela sente novamente. Se é algo que gostaria que acontecesse, ela consegue sentir a emoção inerente. E o mais importante: o resultado é que ela consegue MUDAR O SEU ESTADO EMOCIONAL.


Antes de sair à rua, é importante verificar como você está emocionalmente. Um estado emocional enfraquecedor o deixará debilitado para tomar certas decisões. Se estiver com raiva, por exemplo, é capaz de não deixar escapar uma briga no trânsito! Se estiver triste, desanimado, pode perder o grande amor de sua vida, que passará por você e você nem o reconhecerá ...

VOCÊ PODE SORRIR AGORA MESMO! TENTE!
Se vai se sentir ridículo, melhor ainda: aprenda a rir de você mesmo, isso faz muito bem. Não se leve a sério demais! Viva a vida com o que você tem de melhor!

E ... BE HAPPY! SEJA FELIZ!


Mônica Sampaio

Compartilhe! Divulgue este blog!

www.agradabilidade.blogspot.com
CURTA A NOSSA FAN PAGE: www.facebook.com/agradabilidade e COMPARTILHE BOAS NOTÍCIAS!